domingo, 21 de fevereiro de 2010

Deus é muito complicado

Por João Paulo da Silva

O pai ajeitava o nó da gravata em frente ao espelho quando o filho, um pingo de gente, entrou no quarto e, disfarçadamente, sentou-se na beirada da cama. O pai já sabia que sempre que aquele moleque agia dessa maneira, entrando sorrateiramente no quarto, era porque alguma coisa o incomodava.
- O que é que há, guri?
- Estou com algumas dúvidas.

Sabia também que quando ele dizia que estava com algumas dúvidas era porque realmente havia algo lhe incomodando.
- Tudo bem. Vamos lá, pode perguntar.
- Pai, quem criou o homem?
- Bom, filho, acredita-se que tenha sido Deus.
- E como Ele é?
- Pra falar a verdade, eu não sei. Nunca nos encontramos pessoalmente. – riu levemente.
- E como é que o senhor sabe que Ele existe?
- Eu não sei. Eu só acredito. Não tenho outra explicação. – respondeu com desatenção.

O garoto estava intrigado. Resolveu perguntar de novo. Criança é um poço de curiosidades.
- Deus é homem ou mulher?
- Qual é cor do céu? – perguntou o pai.
- Ué?! É azul.
- Então Ele é homem. – o pai soltou uma risada.

Quanto mais respostas o pai dava, mais perguntas surgiam na cabeça do garoto.
- Deus é muito grande? – perguntou o moleque.
- É enorme, meu filho. Enorme. – respondeu o pai com uma expressão devota.
- Maior do que eu?
- Bem maior!
- Maior do que o senhor?
- Mil vezes maior!
- Maior do que um navio?
- Sem comparação. É gigantesco!
- E onde é que Ele mora?
- Veja, muitos dizem que Ele mora no céu, mas eu acho que Ele vive mesmo é dentro da gente.

O garoto ficou pensativo, parecia estar mais intrigado do que antes. Perguntou categoricamente:
- Se Ele é tão grande assim, como pode caber dentro da gente?
Pronto! Estava armada a confusão. O pai sentiu que a situação exigia um pouco mais de atenção. Sentou-se na beirada da cama ao lado do filho e falou como quem domina o assunto:
- Veja bem, filho, essa é uma questão muito complicada.
- Por quê?
- Porque Deus não é de carne e osso. Ele é espírito, não matéria.
- Ah! – fez o garoto, ainda sem entender.
- Deu pra entender?
- Mais ou menos.
- Eu sei. É complicado mesmo. Mais alguma pergunta?
- Sim. Quem criou Deus?

O garoto já estava pegando pesado. O pai pensou um pouco antes de responder.
- Ouça, na verdade foi o homem quem criou Deus.
Era o fim da picada. Se antes o garoto estava com dificuldade pra entender, imagina agora.
- Mas como é que pode? Não foi Deus quem criou o homem?
- Foi. Quer dizer, não foi. Foi, mas não foi.
- Tá ficando muito complicado, pai.
O pai pensou um pouco e finalmente disse:
- Olhe, o que eu quero dizer é que o homem imagina ter sido criado por Deus. Ele não tem certeza. É apenas uma suposição. A verdade é que a maioria dos homens não tem uma explicação “lógica” para a sua existência, por isso eles acreditam terem sido criados por Deus. Deus é uma projeção daquilo que o homem não é, entendeu?
- Mais ou menos.

Houve um breve silêncio. O garoto perguntou:
- Pai, e o que é que o homem não é?
O pai coçou a cabeça e respondeu meio desanimado:
- Humano, meu filho. Humano. Mas isso já é uma outra história ainda mais complicada. Vai brincar que é melhor.
E lá se foi o garoto. Sem respostas.

3 comentários:

Postadores: Thiago, Bruna e Edilaine. Gerenciador: Thiago S. Viana disse...

Por fim, o pai do guri não sabia ao certo do que falava. Ele mesmo não entendia o que ele afirmava e, se contradizia e se complicava, por fim, essa cena é comum no cenário da vida e demonstra as dúvidas de uma sociedade desacostumada com reflexões a fundo até desembolar todas as próprias dúvidas, fazendo o que deveria ser chamado de filosofia ou metafísica. Mas as pessoas não estão acostumadas a pensar profundamente.
É uma crônica que trata de um assunto comum e banalizado, ao qual é dado pouco importância, mas não se vê nenhuma solução, se é que você também acha que a falta de interesse por essas questões é um problema.

Graças a essas dúvidas não resolvidas, são feitas afirmações do tipo "Deus existe", "Deus não existe", Deus é grande", "Deus é homem", que por fim são conceitos muito mal pensados, ou seja, preconceitos.

Ass.: Thiago.

Anônimo disse...

Deus não é Complicado, as pessoas é quem são complicadas. veja bem, então Deus não existe? Que homem tem poder de fazer nascer o sol? o cair da Noite,o mar,o céu as estrelas, acreditam tanto em belas histórias lidas em tantos livros, fazem resumos, acham incríveis, e não tem interesse em ler a maior delas, a BÍBLIA! Realmente Deus é um sujeito complicado aos olhos de quem não quer vê-lo. Ele é tão simples nós é quem complicamos!!

Thiago Baptista disse...

É óbvio que deus não é complicado. É tão simples quanto o Papai Noel, o Saci Pererê, a Mula-sem-cabeça, a Esquerda do PT...

\\//